Roland Garros 2016, ano do tênis francês.

Roland Garros é o grand Slam francês mas que é o torneio mais complicado para os tenistas franceses devido a pressão de “jogar em casa”. O tênis francês é já uma referência mundial mas continuar a manter os resultados é ainda mais difícil. Veja bem os 5 desempenhos incríveis desse ano do tênis francês neste Roland Garros 2016.

1 – Chave masculino: 5 tenistas franceses no top 21.
AFP_BB9MY

Os tenistas franceses com Tsonga, Gasquet, Montfils, Simon e Paire colocam o tênis francês numa posição incrível. Apenas o tênis da Suiça mostra mais qualidade com 2 tenistas no top 5. Os espanhóis continuam com uma boa representação tendo 3 tenistas no top 20.

2 – Chave feminina: Coach francês campeão e vice!

c3ba4

Muguruza se tornou campeã e vai dominar o tênis mundial e Serena Williams continua dominando o ranking wta mas a particularidade dessas 2 jogadoras é que elas trabalham com coaches franceses. Mugurza treina com Sam Sunyk (ex coach da Azarenka) desde 9 meses e Serena Williams treina com o Patrick Mouratoglou desde 2012.

3 – Chave de dupla masculina: a dupla francesa n°1 do mundo.

7a21f
A dupla Herbert – Mahut não venceu o torneio de dupla pois perdeu dos campeões desse ano, a dupla Lopez – Lopez. Porem, ela ocupa o ranking de dupla n° 1 do mundo e vai continuar neste ranking pois os concorrentes não conseguiram vencer os pontos necessários para passar na frente da dupla francesa.

 

4 – Chave de dupla feminina: O título!

mladenovic-et-garcia_5609935

A dupla Garcia – Mladenovic, as novas tenistas do tênis francês venceram o titulo de dupla feminina desse Roland Garros 2016. Essa dupla já conseguiu este ano classificar a França para a final da Fed Cup 2016.

 

5 – Chave juvenil masculino: O título!

6c732

Geoffrey Blancaneaux venceu o torneio masculino juvenil desse Roland Garros 2016 contra o prodígio canadense, Felix Auger-Aliassime. Isso mostra já a nova geração do tênis francês que está chegando junto ao Corentin Moutet. Ele tem 17 anos e é o 1º tenista francês a ser campeão desde Montfils que tinha vencido em 2004. Outros jovens franceses já apareceram no circuito profissional com Lucas Pouille que tem 22 anos e n°31 ATP, ou Quentin Halys que tem 19 anos e está n°154 ATP.

O tênis francês está num período de rendimento incrível com esses resultados. Simples, dupla, feminino, masculino, juvenil, treinadores, a França está liderando muitos aspectos do tênis mundial; falta ainda um grande título como um Grand Slam de simples ou uma Copa Davis. Os últimos franceses que conseguiram esse desempenho foram a Amelie Mauresmo (Australia Open e Wimbledon em 2006, Masters Cup) e a Marion Bartoli campeã de Wimbledon (2013).

Deixe o seu comentário abaixo !