Aprendizagem do tênis, 8 dicas mais importantes.

1 – Escolha um excelente professor

Esse é o principal desafio para quem pretende iniciar no tênis, um excelente professor vai organizar e acelerar o processo de aprendizagem, propor situações progressivas e desafiadoras fazendo com que o novo jogador sinta-se mais motivado e competente a cada aula. Importante buscar informações sobre o nível de qualificação profissional do professor, o treinador possuí título de graduação? Pós-graduação? Alguma entidade fornece credibilidade na sua formação profissional (Ex. Trans faire Brasil, CBT, ITF)?

2 – Utilização das bolas play and stay

Os estágios de aprendizagem seguem uma lógica na dificuldade das tarefas desenvolvidas, para oportunizar o jogo e acelerar a aprendizagem desde um primeiro momento é imperativo a utilização das bolas play and stay (vermelho laranja e verde). São bolas com pressão mais baixa orientada para o aprendizado progressivo do aluno, esse material vai proporcionar um quique mais baixo, maior controle de bola e um ritmo de jogo mais adequado para o iniciante.

Professor de tênis da Trans-Faire Brasil - gira francesa 2015.

Professor de tênis da Trans-Faire Brasil – gira francesa 2015.

 

3 – Desafie-se progressivamente

Deve se ter em mente que não é possível dominar todos os conteúdos do tênis em apenas 1 dia, 1 mês ou 1 ano. Ao contrário disso veja a evolução de modo mais objetivo (Ex. Quantas bolas você consegue trocar hoje e após 1 mês de treino, ou dominar mais fases da técnica de algum golpe em particular) é muito mais interessante e prazeroso entender a somatória de competências que irão sendo adicionadas ao longo da aprendizagem.

4 – Utilize o paredão

 O paredão é um instrumento extremamente interessante e importante para a aprendizagem do tênis por uma excelente razão, a parede proporciona muito volume de repetições e isto é uma vantagem muito grande para consolidar os padrões de movimentos que estão sendo aprendidos.

5 – Faça parte de um time

Estar inserido em um grupo com outros jogadores é algo muito enriquecedor para o desenvolvimento no tênis, o time vai motivar e estimular a interação entre os participantes proporcionando muita variabilidade durante as aulas (jogar com o professor é totalmente diferente de jogar com um jogador do mesmo nível, vocês não acham? Certamente o desafio é bem maior).

6 – Aprenda o significado do jogo (por que fazer?) e depois a técnica (como fazer?).

Saber o contexto em que se esta aprendendo determinada tarefa irá sem dúvida diferenciar a inteligência de quem pratica o tênis, então quando estiver aprendendo algo pergunte a si mesmo e também para o seu professor, AFINAL PARA QUE ISTO ME SERVE? (qual o significado tático) para aí então saber e buscar as ferramentas que irão ajuda-lo a resolver os problemas do jogo.

7 – Busque informações extra- quadra.

Não fique restrito ao ambiente das aulas. Assista partidas na televisão, leia revistas especializadas, livros, pergunte sobre bons sites e fóruns onde os tenistas compartilham informação de qualidade.

8 – Material adequado

Converse com seu professor, informe-se sobre bons lojistas e todo o material necessário e adequado para iniciar (a raquete do seu ídolo pode não ser a melhor opção para iniciar), mas, além disso, procure o tênis e as roupas esportivas para também iniciar com conforto e segurança.

Deixe o seu comentário abaixo !